1.24.2008

Hamlet por Freud

Hamlet era um histérico que apresentava ter, como demonstram suas atitudes para com Ofélia, repulsa ao sexo. A Inação de Hamlet perante Cláudio se deve ao fato do tio ter feito o que ele desejava ter feito: matar o próprio pai. O Fantasma é um delírio psicótico. Hamlet não aceita o fato de a mãe ter se casado novamente porque otio roubou o afeto que seria dele.

Um comentário:

KêDy disse...

Olá, estudando Hamlet e a análise de freud sobre o mesmo, encontrei esse blog e entrei sem pedi licença.
então, Aline gostaria de saber se você ou quem ler este post, concorda com o Complexo de Édipo exposto por Freud,pois esta mesma Histeria pode ser explicado pelo fato do novo período vivido por Hamlet onde a carga de valores pode explicar sua exitação fala do próprio Laertes.